Leite de castanhas: porque tomar e como fazer

Marcela Rodrigues -
leite de castanha-do-pará

Leite de castanha-do-pará é supernutritivo (foto: sxc)

As bebidas vegetais (de amêndoas, castanha-do-pará, aveia, linhaça, quinoa, entre outros grãos e sementes…) são ótimas para quem anda precisando cortar o leite animal do cardápio ( por intolerância ou alergia). Não à toa, têm sido chamadas de “leites” vegetais.

O bebida de castanha-do-pará é uma das minhas preferidas, pois tem um sabor bem acentuado e, versátil, pode ser usado em muitas receitas:  batido com frutas, em bolos e biscoitos, mingau, etc…nhami!

Ó: A castanha-do-pará é fonte de selênio, um súper antioxidante, vitaminas E e B1, além de gorduras boas. Com tantas propriedades bacanas, esta oleaginosa tem efeito poderoso na beleza da pele: atua na recuperação celular, ou seja, mantém a pele bonita, além de dar energia e saciedade, cooperando com a boa forma!

Que tal testar uma receita, que é muito fácil de fazer? O mesmo passo a passo pode ser feito com amêndoas, nozes e castanha-de-caju, por exemplo.

COMO FAZER

 3 xícaras (chá) de água filtrada | 1 xícara (chá) de castanhas-do-pará

leite de castanha

As castanhas-do-pará devem ficar de molho na áhua por 6 horas.

Deixe as castanhas limpas de molho, em um recipiente de vidro, por cerca de 6 horas. Depois, escorra a água. Bata as castanhas no liquidificador com 3 xícaras de água filtrada. Como o leite de castanha é bem gorduroso, coe cerca de três vezes em uma peneira ou pano bem fino (é a melhor opção para não passar nenhum vestígio de castanha e também pela sensação do toque com a própria comida, sabe?). O leite pode ser armazenado por até 3 dias na geladeira.

Dica: o bagacinho que sobrar pode ser usado para enriquecer  bolos e biscoitos. Se não tiver uma ideia do que fazer com ele na hora, congele e use depois – é uma ótima ideia para deixar sopas, bolos, biscoitos mais nutritivos.

0 Comentários

O que achou? Conte pra gente!