7 marcas que protagonizam minha atual rotina de beleza

Marcela Rodrigues -

Consumir de maneira consciente nunca esteve tão na moda. A boa notícia é que está cada vez mais fácil montar um nécessaire “verde” e variado sem sair do Brasil. Aqui, selecionei as sete marcas de cosméticos súper do bem – entre orgânicos, naturais e veganos, – que têm, protagonizado (ou seja, não são as únicas!!!) a minha atual rotina de beleza e fiz um miniperfil* de cada uma:

{ BIOART }

Corretivo com boa cobertura e aroma fraquinho

Corretivo com boa cobertura e aroma fraquinho

A marca de biocosméticos sustentáveis foi a primeira empresa nacional a produzir no Brasil maquiagens à base de argila certificada e ingredientes orgânicos. Destaque para o Gloss Mineral Terracota (R$ 43), disponível em vários tons, para o Blush Facial Mineral Rosa (R$ 75) e para meu queridinho do momento, o Corretivo Mineral (R$ 56) – boa cobertura bacana, aroma suave e não deixa a região em volta dos meus olhos sensíveis se uso durante muito tempo. Os mais de 50 itens do portfólio, entre máscaras de argila (incríveis!) – outro destaque – e cosméticos anti-idade, são produzidos em Tijucas-SC.

 

{ LUSH }
Lush: a britânica é conhecida pela pegada artesnal, ingredientes naturais e embalagens divertidas

Lush: a britânica é conhecida pela pegada artesnal, ingredientes naturais e embalagens divertidas

A britânica Lush voltou ao Brasil no ano passado com uma fábrica em Bom Jesus dos Perdões, no interior de São Paulo, e loja na rua Oscar Freire, reduto fashionista da capital paulista. Além dos ingredientes naturais, os produtos têm formatos inusitados e texturas que lembram frutas, doces e queijos. A experiência de entrar na loja e experimentar os tratamentos que são oferecidos lá é sensacional.  O Esfoliante Labial Bubblegum (R$ 42) é uma delícia e o Xampu Sólido (R$ 42) da linha Komba (esse nunca usei, mas citei por ser o best seller aqui) lideram as vendas entre as brasileiras antenadas.
{ IKOVE }
Lip Balm de Manteiga de Buriti: não vivo sem!

Lip Balm de Manteiga de Buriti: não vivo sem!

Brasileiríssima, a Ikove nasceu em 2002 e, hoje, possui um portfólio com cerca de 30 itens que vão do corpo ao rosto, além de uma linha de aromaterapia. Entre meus preferidos estão o Lip Balm de Manteiga de Buriti (R$ 29)  – o único item do portfólio, aliás, que leva ingrediente de origem animal, no caso, cera de abelha…É certificada pela EcoCert, USDA Organic e Fair Trade.

{ ALVA NATURKOSMETIK }

Desodorante natural, orgânico e vegano!

Desodorante natural, orgânico e vegano!

Importada por uma jovem empresa de  Joinville-SC, a marca alemã foi a primeira a trazer maquiagens veganas ao Brasil, em 2008. Recentemente, lançou a esperada linha de textura mate e alta fixação – destaque para a Sombra Duo Olive (R$ 100). A Alva  ainda possui 11 linhas de cosméticos e cuidados de higiene pessoal – veganos, claro. O desodorante roll-on Limão &
Coco (R$ 60) é o top de vendas- eu eu adoro!

 

{ WELEDA }

Meus queridinhos da Weleda: sabonete líquido de lavanda e Skin Food

Meus queridinhos da Weleda: sabonete líquido de lavanda e Skin Food

Pioneira no ramo de fórmulas naturais e  orgânicas desde os anos 1990, a suíça Weleda  já é conhecida por aqui com seus hidratantes corporais – a linha Rosa Mosqueta é a mais popular –, itens capilares e até uma linha Oral Care, protagonizada pelo Creme Dental de Calêndula (R$ 30). Esse ano aterrissou por aqui o Skin Food (R$ 52), um best-seller mundial, cuja minha relação de amor contei aqui. Esse creminho multifuncional vai dos cotovelos aos lábios e já foi declarado queridinho de famosas como Demi Moore e Julia Roberts – sempre me perguntam se ele é vegano: esse não, pois possui cera de abelha na fórmula. Mas eu também sou usuária fiel do Sabonete Líquido com óleo essencial de lavanda (R$ 35) e amo a linha de Rosa Mosqueta.

{ SURYA }

Uso 1x por semana

Uso 1x por semana

Pioneira no ramo de cosméticos “verdes”, a Surya Brasil nasceu em 1995 e já está presente em mais de 40 países. É em Guarulhos, na Grande São Paulo, que são produzidos os mais de 150 diferentes itens veganos e naturais. A popular Henna Creme (R$ 37), aliás, continua no posto de carro-chefe e divide espaço com novidades pouco imaginadas por naturebas de plantão dez anos. É o caso da Máscara Capilar de Maracujá e Copaíba (R$ 38), que costumo usar uma vez por semana e adoro o resultado.

{FEITO BRASIL}

Feito Brasil: brasileiríssima, sustentável e divertida

Feito Brasil: brasileiríssima, sustentável e divertida

A produção artesanal em uma fábrica em Maringá – PR, as fórmulas veganas que priorizam produtos vegetais brasileiros e as embalagens sustentáveis (a maioria feita de pet) dão um tom alternativo e encantador à Feito Brasil, marca que conheci recentemente e testei apenas os itens de banho. O Gel de Banho Alegria de Quadrilha (R$ 58), com efeito gelado e extrato de urucum e manga, e o Sabonete em Barra Amora – Fruto da Silva (R$ 23), com formato de picolé e esfoliante de sementes de maracujá, têm aromas irresistíveis.

DE OLHO NO RÓTULO }}}} Lembrando que um cosmético vegano não possui substâncias de origem animal e nem faz testes em bichos – não é à toa que também é chamado de cruelty free. Já um item orgânico, para as certificadoras, é aquele que possui no mínimo 95% de matérias-primas orgânicas em relação à quantidade total de ingredientes naturais na formulação.

*Esse conteúdo faz parte da reportagem “Atitude Natureba”, assinada por mim e originalmente publicada na edição de outubro/2015 da Revista Manequim\Editora Caras. Aqui, porém,  adicionei mais alguns comentários pessoais e fotos do dia a dia.

*Preços: foram atualizados em outubro  e novembro/15.

 

0 Comentários

O que achou? Conte pra gente!